Party Hard Versão Indiana

Pra quem achava que só os ocidentais festavam duramente…

कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन पार्टी कठिन

Anúncios

Universitários, a esperança do Brasiu

E esse são os calouros da era ENEM, se vangloriam por ter conseguido uma vaga numa Universidade Federal e vão morar lá na pqp longe de casa  (e esse é o sonho de 8 em cada 10 formandos do ensino médio, viver longe dos pais para encher o olho de vodka à vontade, como esse campeão aqui), mas se avaliarmos o domínio da língua portuguesa, alguns sequer aparentam ter concluído o ensino fundamental. Vejamos o caso a seguir:

"Foi mal, mas a minha é federal" -- Clichê estampado em 99,72% de Orkuts e MSN's de calouros pelo Brasil.

  • O setindo dá pra dar um desconto pois pode ter sido erro de digitação (prefiro acreditar no analfabetismo), mas resar já é demais.
  • A concordância tá nota dez também. Sempre se referindo com plurais, “a falta que vcs”, “meus amores”, mas na hora de resar é só pra um.

Tem aquele ditado clichê popular diz que “Os estudantes são o futuro da nação”.  Eu hei de concordar: 2012, tamos aí.

Bônus: Segundo os parâmetros passados acima, calcule a redação.

Seleção do YouTube FAIL

Parece que a memória do YouTube anda fraca, está confundindo as duplas dos anos 80:

Está atribuindo o clipe da West End Girls do Pet Shop Boys ao Erasure. LOL.

Brincando com o Gás Hélio

Todo mundo sabe que a ingestão de gás Hélio deixa a voz da pessoa mais fina. Isso ocorre porque o Hélio é mais leve do que o ar atmosférico “normal”, e por isso faz com que a velocidade de propagação da voz seja maior, deixando-a bem mais aguda do que o normal.

Essa garota norueguesa foi fazer uma graça para as amigas, mas a brincadeira acabou tendo um final diferente (mas não menos cômico, havemos de concordar :P)

Para os ciênciafags de plantão, uma explicação Wikipédica do ocorrido:

Quando aspirado, o hélio distorce a voz(343m/s). Deve-se tomar cuidado ao fazer isso, o gás hélio pode provocar sufocamento por supressão de oxigênio.

 

Domingo no Parque

Estava sendo um feliz dia no parque de diversões entre amigos até que Aretuza chamou o Hugo pra brincar com eles.

“Pára tudo, ela ta vumitanôôÔô!”

O Hugo demorou 2:11 minutos para chegar lá. <dica subliminar>

Vi no Bobagento (Blog | Twitter)

É um pássaro? Um avião? Não, uma mobilete a 140 km/h.

As mobiletes (nomeadas formalmente de motonetas) são na prática ‘bicicletas’ com micromotores (normalmente de 50 cilindradas) capaz de levá-las no máximo por volta dos 60 km/h. Mas um maluco conseguiu quebrar a barreira dos 140 km/h, utilizando um artifício aerodinâmico e uma boa dose de loucura:

Detalhe para o grave e incorporado ronco no início do vídeo, como o encontrado apenas nos superesportivos.

Dica do Daniel Soares via Twitter 😀

Isso você só vê na TV Japonesa

Quem navega regularmente na internet sempre vê bizarrices vindas da Terra do Sol Nascente, sendo grande parte destas provas e quadros de programas televisivos. Uma dessas provas é um cabo de guerra bem diferente do tradicional. Os dois competidores colocam uma meia-calça em suas respectivas cabeças e correm em direções opostas, e como na versão “normal” perde o lado que ceder primeiro. O resultado dessa bizarrice nipônica você confere no vídeo abaixo:

Esse vídeo foi uma dica do Marcotonio, do nosso blog de tirinhas parceiro Cara de Cajina, visitem lá! =D.